Lei de Murphy

segunda-feira, dezembro 14, 2009 3 comentários


"Se alguma coisa pode dar errado, com certeza dará". "Se há mais de uma maneira de se executar uma tarefa ou trabalho, e se uma dessas maneiras resultar em catástrofe ou em consequências indesejáveis, certamente essa será a maneira escolhida por alguém para executá-la"


Com base nisso, é possivel então prever que determinada ação a ser tomada resultará em algo indesejável. Então porque mesmo sabendo os resultados possíveis, continuamos tentando? Burrice?! Esperança?! Medo de mudar a direção do barco?!

Bem, tanto faz como tanto fez. O fato é que o ser-humano tem dificuldade em assumir erros ou falhas e com isso se torna relutante a tomar posturas diferentes. Isso tras males não somente para o individuo, mas também pra aqueles que o cercam. As tentativas de conscientizar o ser sobre suas escolhas e/ou atitudes erradas começam a se tornar desgastantes até que por fim desistimos de tentar.

Será que as palavras acima fazem algum sentido? Pois acabei de escrever e já começo a me perguntar o que exatamente eu quis dizer.

3 comentários:

  • Lisa Alves disse...

    Nem a ciência deixa de pecar em seus acertos. Esses dias me perguntei se existe escolha certa ou errada. Na verdade estamos sujeitos as probabilidades. Mas quantos de nós tem a 'santa paciência" de calcular as consequências de uma ato?

  • May disse...

    Algumas coisas são inevitáveis. Corre-se do sofrimento, sem perceber que anda em circulo, até dar de cara com ele. Tenta se afastar do que causa dor, mas a mosca é atraída pela lampada. Eu também fico a me perguntar o porque, se o desfecho é perceptivel. Esperança exite? Burrice? Ao focar, vejo que é além. Uma coisa ali inquieta, à espreita, se manifesta por diversas situações. Se revolta com o consciente, impede que a alma seja lovre para realizar suas ações, e a impele para outro sentido. É cinzel, é borradha, é calor. Toma o pensamento, ignora o tempo, a mágoa, persiste e teima. Inevitável... Hitsuzen.

    Será que isso eu quis dizer ou não consegui segurar, estava sufocando? Murphy?

Postar um comentário

Followers

 

©Copyright 2011 Sinestesia Cultural | TNB